16º É TUDO VERDADE


Com o total de 92 documentários em sua seleção oficial, o Festival Internacional de Documentários – É Tudo Verdade chega à sua 16ª edição. Além de 29 países representados na programação, nada menos que 18 documentários brasileiros inéditos, de curta, média e longa metragem, farão sua estreia no festival.

Nas Mostras Competitivas nacionais, sete documentários inéditos participam da categoria Longas e Médias-Metragens e outros nove filmes nacionais concorrem na seção de Curtas-Metragens. Pelo quinto ano consecutivo, o vencedor da categoria Longas e Médias receberá o Prêmio CPFL Energia/É Tudo Verdade, cujo valor sobe em 2011 para R$110 mil.

Já entre os filmes internacionais, a Mostra Competitiva exibe 12 documentários, incluindo títulos premiados em Amsterdã, Berlim, Leipzig, Lisboa, Veneza, entre outros eventos. Na Retrospectiva Internacional, o festival reúne nove filmes da russa Marina Goldovskaya, considerada uma das cineastas que mais profundamente acompanhou o esfacelamento do império soviético.

Ainda destacam-se na programação do 16º É Tudo Verdade os seguintes programas: Retrospectiva Brasileira - “Poesia É Verdade”, com quinze documentários nacionais dedicados a poetas brasileiros; Programas Especiais, onde estão nove filmes, sendo três Brasileiros; O Estado das Coisas, com dez títulos nacionais e internacionais; e Foco Latino-Americano, que reúne cinco produções de países da região.

CONFERÊNCIA INTERNACIONAL & OFICINA

Parte integrante do É Tudo Verdade 2011, a 11ª Conferência Internacional do Documentário acontece em São Paulo tendo como tema “A Entrevista no Documentário”. Correalizado pela Cinemateca Brasileira, em parceria com Cinusp Paulo Emílio, o encontro é coordenado por Maria Dora Mourão e será sediado na Cinemateca Brasileira, entre 7 e 9 de abril.

Completa a programação do festival, a celebração da obra fotográfica do cineasta paulistano Jorge Bodanzky. Além de resgatar imagens do diretor de “Iracema – Uma Transa Amazônica” (1974) através de todo o seu material gráfico, o evento terá a presença do homenageado no ciclo É Tudo Verdade/BNDES, onde o cineasta participa de um debate e apresenta o seu mais recente filme: “Pandemonium” (2010). Bodanzky ainda ministra em São Paulo, nos dias 1 e 2 de abril, uma oficina de webdoc.

O 16º É Tudo Verdade – Festival Internacional de Documentários segue até 10 de abril, no Rio de Janeiro e em São Paulo. Acesse a programação completa na página oficial do festival.

www.etudoverdade.com.br

Fechar Janela